16 de jun de 2011

Josué Lemos da Silveira fala sobre Gravatas


Assim como a qualidade de um terno em tecido de lã (e não de poliester ou microfibra), de um sapato social todo em couro (e não com solado de poliuretano ou borracha), também as gravatas são observadas e a sua qualidade é avaliada  pelas pessoas próximas, seja no ambiente profissional ou social.


As gravatas não são um mero adorno. Elas complementam a excelência, da elegância, e portanto, devem ser escolhidas com o devido zel. Assim, é muito melhor ter apenas uma gravata de ótima qualidade (de seda), do que possuir dúzias de gravatas de poliéster. Pior ainda, é usar gravatas com zíper e nó permanente. Em ocasiões formai, como solenidades, casamentos, bailes, formaturas e bodas, usam-se costumes escuros com gravata (traje social de passeio completo) e, não é de bom tom retirá-las ou afrouxá-las durante o evento, para não parecer que se está alterado ou embriagado.



O comprimento das gravatas deve cobrir a fivela do cinto, sem ultrapassá-la. A largura das gravatas varia: de cinco centímetros  para os mais jovens e modernos, até onze centímetros para as pessoas mais clássicas ou formais.


Os nós das gravatas mais volumosos (tipo windsor), combinam com colarinhos mais abertos (italianos) e com rostos mais estreitos ou ovais. Os nós masis estreitos combinam com os colarinhos mais fechadas e rostos mais cheios ou redondos.
Basicamente, existem três tipos de estampas (desenhos) que são absolutamente de bom gosto: as regimentais (com listras diagonais); as lisas (com cor única) e as petit point (lisas com pequenos pontos). Ao se usar gravatas com outros tipos de estampas ou desenhos, a chance de errar e ficar deselegante será praticamente total.
Gravata na cor prata são exclusivas para noivos no casamento.


Josué Lemos da Silveira
Instrutor e Palestrante – Marketing Pessoal, Profissional e Social
Autor do Livro “Etiqueta Social Pronta para Usar”
Ed Marco Zero. 3ª Edição



Veja mais textos de Josué Lemos da Silveira clicando aqui!


0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More